quarta-feira, junho 25, 2014

Isabel de Portugal em francês

A «minha» Imperatriz Isabel de Portugal, numa tradução soberba de Laure Collet, chegou ao mercado editorial francófono através da muito jovem editora Poison Volant cujo mote é delicioso -
Avec Le Poisson Volant, des livres électroniques à dévorer sans modération - encontrando-se já disponível na Amazon.
Tiziano Vecellio (1548), Isabel de Portugal, Museu do Prado, Madrid

É naturalmente uma grande alegria para um autor ver o primeiro dos seus livros, neste caso o décimo de uma lista de obras publicadas, cruzar as fronteiras da língua materna e ganhar outros espaços. E saber que, discretamente, sem fanfarras nem títulos de jornais, este livro, esta biografia que dizem ler-se como um romance, apesar do aparato cientifico que a suporta, já foi alvo do interesse de leitores de língua francesa e que, na página da Amazon onde se aloja, já figuram duas criticas a Isabelle de Portugal, L'Impératrice: Le pouvoir au féminin au XVIème siècle [Format Kindle]

Os livros têm vida própria, e o que lhes acontece depois de saírem das nossas mãos é sempre um mistério.
 
Enviar um comentário